CONSAGRAÇÃO À NOSSA SENHORA APARECIDA NA VOZ DO PADRE VITOR COELHO CSsR

Ó MARIA SANTÍSSIMA, PELOS MÉRITOS DO SENHOR JESUS CRISTO QUE EM VOSSA IMAGEM MILAGROSA DE APARECIDA ESPALHAIS INÚMEROS BENEFÍCIOS SOBRE O BRASIL, EU, EMBORA INDIGNO DE PERTENCER AO NÚMERO DOS VOSSOS SERVOS, MAS DESEJANDO PARTICIPAR DOS BENEFÍCIOS DA VOSSA MISERICÓRDIA, PROSTRADO A VOSSOS PÉS, CONSAGRO-VOS O ENTENDIMENTO, PARA QUE SEMPRE PENSE NO AMOR QUE MERECEIS. CONSAGRO-VOS A LÍNGUA, PARA QUE SEMPRE VOS LOUVE E PROPAGUE A VOSSA DEVOÇÃO.CONSAGRO-VOS O CORAÇÃO, PARA QUE, DEPOIS DE DEUS, VOS AME SOBRE TODAS AS COUSAS.RECEBEI-NOS, Ó RAINHA INCOMPARÁVEL, QUE NOSSO CRISTO CRUCIFICADO DEU-NOS POR MÃE, NO DITOSO NÚMERO DOS VOSSOS SERVOS. ACOLHEI-NOS DEBAIXO DA VOSSA PROTEÇÃO. SOCORREI-NOS EM NOSSAS NECESSIDADES ESPIRITUAIS E TEMPORAIS E, SOBRETUDO, NA HORA DA NOSSA MORTE. ABENÇOAI-NOS Ó MÃE CELESTIAL, E COM VOSSA PODEROSA INTERCESSÃO FORTALECEI-NOS EM NOSSA FRAQUEZA, A FIM DE QUE, SERVINDO-VOS FIELMENTE NESTA VIDA, POSSAMOS LOUVAR-VOS, AMAR-VOS E RENDER-VOS GRAÇAS NO CÉU, POR TODA A ETERNIDADE. ASSIM SEJA! ...PELA INTERCESSÃO DE NOSSA SENHORA APARECIDA, RAINHA E PADROEIRA DO BRASIL, A BÊNÇÃO DE DEUS ONIPOTENTE, PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO, DESÇA SOBRE VÓS E PERMANEÇA SEMPRE.AMÉM!
PRÓXIMOS EVENTOS (Todos estão convidados)





ÁGAPE MENSAL
11 - fevereiro - 2017


SETEMBRO - 2017
De 01 a 03 - 5º ERESER VICE PROVÍNCIA MANAUS
De 29 a 01/10 - ERESER CURITIBA

OUTUBRO - 2017

Dia 07 - ERESER NA NOVENA DE APARECIDA
Dia 21 - 11º ERESER MAIRINQUE

NOVEMBRO - 2017
De 12 a 15 - 7º ERESER PROVÍNCIA DE CAMPO GRANDE


XIII RETIRO
De 26 A 28 de janeiro de 2018
Local: Vila Santo Afonso - Pedrinha
Tema: A Espiritualidade Redentorista na Prática
Orientador: Padre Alfredo Viana Avelar, CSsR - Rio




SOM NO BLOG

QUANDO QUISER ASSISTIR ALGUM VÍDEO DO BLOG, VÁ ATÉ À "RÁDIO UNESER INTERATIVA" (caixa à direita do blog) E CLIQUE NO BOTÃO DE PAUSA (II).
APÓS ASSISTIR O VÍDEO, CLIQUE NO MESMO BOTÃO (PLAY) PARA CONTINUAR OUVINDO A RÁDIO.

15 de agosto de 2013

Vivências - De perto @ De longe




Nº 1143  -  15/08/2013

4845. Evangelho de 5ª feira (15-08-2013) - Js 3, 7 - 10a.11.13 - 17; Sl 113A; Mt 18, 21 - 19, 1- Então Pedro aproximou-se e perguntou-lhe: “Senhor, quantas vezes devo perdoar a meu irmão se ele pecar contra mim? Até sete vezes?” Jesus respondeu-lhe: “Não apenas sete vezes, mas até setenta vezes sete”. Por isso o Reino dos Céus pode ser comparado a um rei que resolveu acertar as contas com seus empregados. Ao começar o acerto de contas, trouxeram-lhe um que devia dez mil talentos. Como não tivesse com que pagar, seu senhor mandou que o vendessem com sua mulher, seus filhos e todos os seus bens, para assim liquidar a dívida. O empregado então caiu a seus pés, suplicando: “Senhor, dá-me um prazo e te pagarei tudo”. O senhor teve pena dele, deixou-o em liberdade e perdoou-lhe a dívida. Mas, quando saiu dali, esse empregado encontrou um de seus companheiros, que lhe devia cem denários. Agarrou-o pelo pescoço e, sufocando-o, disse-lhe: “Paga o que deves!” Seu companheiro caiu a seus pés, suplicando: “Dá-me um prazo e te pagarei!” Mas ele não quis: mandou encerrá-lo na cadeia, até que sua dívida fosse paga. Seus companheiros, ao saberem do fato, ficaram revoltados e foram contar ao senhor o acontecido. Então, aquele senhor o chamou e lhe disse: “Servo mau, eu te perdoei toda
aquela dívida, porque me pediste. Não devias tu também ter pena de teu companheiro, como eu tive de ti?” E o senhor, indignado, mandou prendê-lo e castigá-lo, até que pagasse tudo o que devia. Do mesmo modo, meu Pai do céu agirá convosco, se cada um de vós não perdoar de todo o coração a seu irmão”. Quando terminou esses discursos, Jesus deixou a Galileia e foi para a região da Judéia, do outro lado do Jordão.

Recadinho: - É fácil perdoar? - Pense em alguma situação de sua vida que “depois da tempestade” trouxe-lhe a bonança. - Conhece alguma situação de devedor cuja situação chegou a bom termo? - E o contrário? - Comente o “perdoai assim como nós perdoamos” do pai nosso!

4846. Aumenta número de cartas para o Papa - As cartas endereçadas ao Papa chegam de todas as partes do mundo, são escritas em todas as línguas e têm um único destinatário: Papa Francisco. São as cartas que chegam aos milhares, diariamente, a um setor específico da Secretaria de Estado, que procura gerir a enorme quantidade de correspondências escritas por pessoas de todo o mundo. Algumas, como aconteceu com o empreendedor Michele Ferri, irmão de Andrea, proprietário de alguns postos de gasolina morto há dois meses, recebem uma resposta pessoal de Papa. Informam fontes do Vaticano que o princípio é procurar ler todas as correspondências e respondê-las. Na maior parte dos casos, a resposta é enviada em nome do Santo Padre e assinada por algum colaborador. Algumas vezes o Papa é informado de cartas mais significativas ou tocantes e decide responder pessoalmente, colocando-se em contato com o interessado não somente por carta, mas às vezes também por telefone. No caso do italiano Michele Ferri, foi o mais inesperado telefonema que recebeu, no início de agosto/2013. Tão inesperado que pensou tratar-se de uma brincadeira. A incredulidade inicial transformou-se em comoção quando Michele, que havia expresso a sua dor e escreveu uma carta ao Papa Francisco, deu-se conta que do outro lado da linha estava verdadeiramente o Papa Francisco! “Mais passa o tempo mais a dor aumenta”, havia escrito Michele na carta, referindo-se ao homicídio do irmão. “Sempre te perdoei em tudo. Desta vez não, Deus, desta vez não te perdoo!”, acrescentou!
A este ponto, tomou a decisão de escrever uma carta ao Papa, sem nunca imaginar que poderia receber uma resposta direta de Francisco, como aconteceu.

4847. O verdadeiro tesouro é o amor de Deus - “Onde está o seu tesouro? Qual é para vocês a realidade mais importante, mais preciosa, a realidade que atrai seu coração como um imã? Pode-se dizer que é o amor de Deus? Alguns poderiam me responder: Pai, mas eu trabalho, tenho família, para mim a realidade mais importante é conseguir manter minha família, meu trabalho...Certo, é verdade, mas qual é a força que mantém unida uma família? É justamente o amor de Deus que dá sentido aos pequenos compromissos cotidianos e que ajuda a enfrentar as grandes dificuldades. Este é o verdadeiro tesouro do homem”. (Papa Francisco, 11/agosto/2013)

Pe. Geraldo Rodrigues, CSsR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar. Sua participação é muito importante para nós.