CONSAGRAÇÃO À NOSSA SENHORA APARECIDA NA VOZ DO PADRE VITOR COELHO CSsR

Ó MARIA SANTÍSSIMA, PELOS MÉRITOS DO SENHOR JESUS CRISTO QUE EM VOSSA IMAGEM MILAGROSA DE APARECIDA ESPALHAIS INÚMEROS BENEFÍCIOS SOBRE O BRASIL, EU, EMBORA INDIGNO DE PERTENCER AO NÚMERO DOS VOSSOS SERVOS, MAS DESEJANDO PARTICIPAR DOS BENEFÍCIOS DA VOSSA MISERICÓRDIA, PROSTRADO A VOSSOS PÉS, CONSAGRO-VOS O ENTENDIMENTO, PARA QUE SEMPRE PENSE NO AMOR QUE MERECEIS. CONSAGRO-VOS A LÍNGUA, PARA QUE SEMPRE VOS LOUVE E PROPAGUE A VOSSA DEVOÇÃO.CONSAGRO-VOS O CORAÇÃO, PARA QUE, DEPOIS DE DEUS, VOS AME SOBRE TODAS AS COUSAS.RECEBEI-NOS, Ó RAINHA INCOMPARÁVEL, QUE NOSSO CRISTO CRUCIFICADO DEU-NOS POR MÃE, NO DITOSO NÚMERO DOS VOSSOS SERVOS. ACOLHEI-NOS DEBAIXO DA VOSSA PROTEÇÃO. SOCORREI-NOS EM NOSSAS NECESSIDADES ESPIRITUAIS E TEMPORAIS E, SOBRETUDO, NA HORA DA NOSSA MORTE. ABENÇOAI-NOS Ó MÃE CELESTIAL, E COM VOSSA PODEROSA INTERCESSÃO FORTALECEI-NOS EM NOSSA FRAQUEZA, A FIM DE QUE, SERVINDO-VOS FIELMENTE NESTA VIDA, POSSAMOS LOUVAR-VOS, AMAR-VOS E RENDER-VOS GRAÇAS NO CÉU, POR TODA A ETERNIDADE. ASSIM SEJA! ...PELA INTERCESSÃO DE NOSSA SENHORA APARECIDA, RAINHA E PADROEIRA DO BRASIL, A BÊNÇÃO DE DEUS ONIPOTENTE, PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO, DESÇA SOBRE VÓS E PERMANEÇA SEMPRE.AMÉM!
PRÓXIMOS EVENTOS (Todos estão convidados)





ÁGAPE MENSAL
11 - fevereiro - 2017


MAIO - 2017
De 03 a 11 - Viagem / Peregrinação a Portugal
De 20 a 21 - 7º ERESER CAMPINAS
De 15 a 30 - 2ª Missão UNESER em Rondônia

JUNHO - 2017
De 17 a 18 - 2º ERESER CAMPINAS

JULHO - 2017

De 05 a 15 - 3ª Peregrinação a Pé Caminho da Fé
De 14 a 16 - 37º ERESER PROVÍNCIA RIO/MINAS/ES
De 21 a 23 - 22º ENESER - APARECIDA

SETEMBRO - 2017
De 01 a 03 - 5º ERESER VICE PROVÍNCIA MANAUS

OUTUBRO - 2017

Dia 07 - ERESER NA NOVENA DE APARECIDA
Dia 21 - 11º ERESER MAIRINQUE

NOVEMBRO - 2017
De 12 a 15 - 7º ERESER PROVÍNCIA DE CAMPO GRANDE


XIII RETIRO
De 02 a 04 de fevereiro de 2018
Local: Pedrinha (a ser confirmado)




SOM NO BLOG

QUANDO QUISER ASSISTIR ALGUM VÍDEO DO BLOG, VÁ ATÉ À "RÁDIO UNESER INTERATIVA" (caixa à direita do blog) E CLIQUE NO BOTÃO DE PAUSA (II).
APÓS ASSISTIR O VÍDEO, CLIQUE NO MESMO BOTÃO (PLAY) PARA CONTINUAR OUVINDO A RÁDIO.

1 de maio de 2014

Vivências - De perto @ De longe

N º 1402  -  01/05/2014
 5915. Evangelho de 5ª feira (01-05-2014) - S. José Operário - Gn 1, 26 -2, 3 (ou Cl 3, 14- 15.17.23 - 24); Sl 89; Mt 13, 54 - 58 Dirigindo-se para a sua terra, Jesus ensinava na sinagoga, de modo que ficavam admirados. E diziam: “De onde lhe vem essa sabedoria e esses milagres? Não é ele o filho do carpinteiro? Sua mãe não se chama Maria, e seus irmãos não são Tiago, José, Simão e Judas? E suas irmãs não moram conosco? Então de onde lhe vem tudo isso? E ficaram escandalizados por causa dele. Jesus, porém, disse: “Um profeta só não é estimado em sua própria pátria e em sua família!” E Jesus não fez ali muitos milagres, porque eles não tinham fé.
 
Recadinho: - Acontecem muitos milagres em minha vida? - Sei agradecer a Deus tanto bem que recebo, apesar das cruzes e dores? - Meus projetos de vida coincidem com aqueles que Deus me apresenta? - Peço a Deus que aumente minha fé? - Reconheço que também através das pessoas simples e humildes Deus tem sempre muito a me dizer?
 
5916.
Seminário Internacional Carajás 30 anos - De 5 a 9 de maio de 2014, com o tema “Resistências e mobilizações frente a projetos de desenvolvimento na Amazônia”, será realizado o 1º Seminário Internacional Carajás 30 anos. O objetivo é avaliar criticamente os 30 anos do Programa Grande Carajás. A iniciativa é do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, da Universidade Federal do Pará. A programação do evento contará com apresentações orais, mesas redondas e grupos de trabalhos, tendo como público alvo professores, pesquisadores, estudantes universitários, lideranças comunitárias e membros de povos indígenas e populações tradicionais. Na Amazônia Oriental há várias resistências e mobilizações de diferentes grupos sociais contra o Programa Grande Carajás, desde povos indígenas, grupos camponeses, grupos quilombolas e populações extrativistas, que lutam pela
garantia de direitos territoriais e por um projeto de desenvolvimento territorial, que não acabe com os seus modos de vida. Uma das intenções desse seminário é fazer um levantamento e um inventário dessas formas de resistência. A reserva mineral de Carajás foi descoberta em 1962 e o Programa Grande Carajás foi instituído pelo governo da ditadura, em 1980, e existiu oficialmente até 1991, mas continua tendo desdobramentos e interferindo muito fortemente na organização social, na economia e no modo de vida dos povos e comunidades locais da Amazônia Oriental, por ser uma região rica em ferro de alto teor, ouro, estanho, bauxita, manganês, níquel, cobre e minérios raros. A vida útil do tamanho da reserva do Grande Carajás é estimada em cerca de 500 anos.
 
5917. Tradições no Vaticano - No dia 13 de abril de 2014, Domingo de Ramos, mais uma vez se colocou em prática a tradição das folhas novas brancas de palmeira trançadas, chamadas de “parmureli”. Seguindo uma antiga tradição, estes trabalhos artesanais com valor religioso e também ornamental, cerca de três mil, foram enviados das cidades de San Remo e de Bordighera, região da Ligúria, na Itália, e foram usadas na celebração do Vaticano. A “parmurelu” entregue ao Papa Francisco foi entrelaçada com três folhas de palmeira unidas, simbolizando a Santíssima Trindade: Pai, Filho e Espírito Santo. A obra foi confeccionada na Cooperativa “Il cammino”. A tradição nasceu de um episódio ocorrido em 10 de setembro de 1586, na Praça São Pedro, no momento em que foi levantado o obelisco egípcio de 26 metros de altura, pesando 350 toneladas, tendo como protagonista o Capitão Benedetto Bresca, de San Remo. Dada a complexidade da operação, o Papa Sisto V havia ordenado o silêncio absoluto dos trabalhadores. Ao observar que as cordas que levantavam o obelisco estavam por se romper, Bresca, conhecedor da técnica para evitar o acidente e transgredindo a ordem, gritou: “Aiga ae corde" (água nas cordas). As cordas são então molhadas e a operação é completada sem problemas. Sisto V, agradecido, ofereceu a ele a escolha de uma compensação. Bresca pediu o privilégio de ter a honra de ser o fornecedor oficial das palmas pascais ao Papa. A operação de entrelaçar as folhas mais novas e brancas da palmeira é realizada normalmente num núcleo familiar e, assim, a técnica é repassada de pai para filho, de geração em geração. A tradição foi interrompida nos anos 70, quando coube às monjas camaldulenses a missão de trançar as folhas novas das palmeiras para as igrejas de Roma. Numa iniciativa do Centro de Estudos e Pesquisa das Palmas, da Cooperativa Social “Il Cammino” e da Prefeitura de San Remo, a antiga tradição foi retomada em 2003, permanecendo até os dias atuais.
 
Pe. Geraldo Rodrigues, CSsR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar. Sua participação é muito importante para nós.